Por Paula Ellinger da Fonseca A reforma à principal legislação florestal do Brasil dificultará o cumprimento da meta de redução de emissões assumida pelo país, disse a ex ministra do meio ambiente, Marina Silva, durante a 17º Conferência das Partes (COP) em Durban. A reforma foi aprovada na última terça-feira (06/12) pelo senado brasileiro.
Publicado em Amazônia @pt-br
Por Carlos Henrique Fioravanti* Um estudo da Universidade de Oxford sobre a cobertura jornalística sobre mudanças climáticas em seis países indica que jornais do Brasil, França, Índia e China têm dado menos espaço aos céticos das mudanças climáticas que a imprensa no Reino Unido e nos Estados Unidos.
A América Latina representa um microcosmo nos desafios enfrentados pelas conversações internacionais sobre mudanças climatéricas. A diversidade dos seus países e das suas economias, as disparidades das suas emissões anuais e a sua vulnerabilidade, as suas posições ideológicas, a diversidade de políticas estrangeiras e associação a diversos fóruns regionais e internacionais fazem com que diferentes perspectivas sobre a mudança climatérica seja um lugar-comum.